Tendências nos acordos regionais e bilaterais de comércio face ao sistema multilateral de regras de comércio: elementos para um debate sobre direito e desenvolvimento no Brasil

Propõe-se nesse projeto analisar a integração do Brasil no comércio internacional a partir de uma avaliação sobre os avanços regulatórios internacionais na área de comércio quanto a: (i) as tendências regulatórias e de arranjos institucionais dos acordos regionais e bilaterais, em termos quantitativos e qualitativos, em contraponto aos acordos com este perfil assinados pelo Brasil; e (ii) a relação dessa tendência regulatória dos acordos regionais e bilaterais com a regulamentação multilateral da OMC estabelecida por um conjunto de 153 membros como um mínimo padrão comum de regras para o comércio internacional e privilegiada pelo Brasil. Tais diagnósticos podem favorecer significativamente análises de impacto e definições de políticas nacionais relacionadas a temas hoje regulados internacionalmente e que passam a admitir padrões para além dos adotados pelo Brasil (OMC-plus) assim como as frentes de negociação que definem novas regras ou áreas reguladas pelos acordos de comércio internacional (OMC-extra) e que podem confrontar espaços de políticas de desenvolvimento para o Brasil.



Professor(es) coordenador(es) da pesquisa: Michelle R. S. Badin

Equipe: Vera Helena Thorstensen, Lucas da Silva Tasquetto, João Henrique Ribeiro Roriz, Nathalie Suemi Tiba Sato, Marina Amaral Egydio de Carvalho, Carolina Müller, Ivan Tiago Machado Oliveira, Milena Fonseca

Data do início da pesquisa (mês/ano): jan/2004

Comentários

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA de imagem
Digite o texto exibido na imagem.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede