Market dominance in the new economy

Autor: 
Rafael Alves de Almeida
Resumo (abstract): 

O objetivo deste artigo é analisar as principais questões de teoria da competição que podem emergir das interações entre processos competitivos, poder de mercado e inovação tecnológica na nova economia. Examina-se tanto o papel dinâmico dos empreendimentos e mercados num ambiente de inovação em que as políticas de competição envolvem, implicitamente, uma escolha entre caminhos de inovação alternativos, quanto a interação interdisciplinar entre dois grandes campos de estudo, direito e economia, e seu uso conjunto para fornecer um quadro intelectual que facilite a compreensão de temas de direito da concorrência. Na nova economia, a inovação é reconhecida como um traço central da competição de mercado, localizada no coração do processo de competição. Há várias abordagens possíveis da competição dinâmica, mas todas elas demonstram o mesmo ponto: se os agentes competentes por elaborar políticas públicas quiserem tratar a inovação e a mudança como componente central do processo de competição, eles precisam de novas abordagens analíticas que tratem esses fenômenos como centro de suas preocupações e não como um elemento lateral de suas análises.

Post new comment

The content of this field is kept private and will not be shown publicly.
Image CAPTCHA
Enter the characters shown in the image.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede