Market dominance in the new economy

Edição: 
Revista DIREITO GV 4
Autor: 
Rafael Alves de Almeida
Resumo (abstract): 

O objetivo deste artigo é analisar as principais questões de teoria da competição que podem emergir das interações entre processos competitivos, poder de mercado e inovação tecnológica na nova economia. Examina-se tanto o papel dinâmico dos empreendimentos e mercados num ambiente de inovação em que as políticas de competição envolvem, implicitamente, uma escolha entre caminhos de inovação alternativos, quanto a interação interdisciplinar entre dois grandes campos de estudo, direito e economia, e seu uso conjunto para fornecer um quadro intelectual que facilite a compreensão de temas de direito da concorrência. Na nova economia, a inovação é reconhecida como um traço central da competição de mercado, localizada no coração do processo de competição. Há várias abordagens possíveis da competição dinâmica, mas todas elas demonstram o mesmo ponto: se os agentes competentes por elaborar políticas públicas quiserem tratar a inovação e a mudança como componente central do processo de competição, eles precisam de novas abordagens analíticas que tratem esses fenômenos como centro de suas preocupações e não como um elemento lateral de suas análises.

Comentários

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA de imagem
Digite o texto exibido na imagem.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede